Como aumentar a taxa de conversão com apenas 5 dicas – Email Marketing Ilimitado

Como aumentar a taxa de conversão com apenas 5 dicas

No mundo do marketing digital, muitos empresários estão focados em conseguir novos leads, ou seja, contatos “quentes” que podem ser futuros clientes, sem se preocupar na verdade em atrair um público mais qualificado. Às vezes, achamos que mil visitantes diários em um site pode ser pouco. Mas, se o site ou a página de destino estiverem bem estruturados e alinhados com esse público, eles podem converter muito mais, do que um concorrente que tenha 5 mil visitas diárias.

Confira cinco dicas para aumentar a taxa de conversão:

1- Minimize as opções
Alguns sites e e-commerces colocam tantos chamarizes e calls to action (CTA – links ou funções de uma página que levam os usuários a realizar ações) que tiram o foco do que realmente é importante. Não é só uma questão de estética visual, pois alguns estudos apontam que para cada CTA a mais em uma página, além do principal, a queda no número de conversões pode chegar a 5%. Por isso, planejar a página para que as pessoas consigam visualizar apenas um CTA principal, antes da dobra (antes de rolar a página).

2- Seja simples
Quando criamos uma landing page a nossa intenção é sempre que o usuário execute uma única ação principal, seja ela a de baixar um e-book, clicar no botão de ‘comprar’ ou qualquer outra. Não é necessário oferecer botões de redes sociais logo de cara para que o usuário compartilhe aquele conteúdo ou deixe algum comentário. Isso tudo pode, e deve ser feito após o usuário executar a ação proposta naquela página.

Outro equívoco muito comum é usar muitas imagens, vídeos ou cores chamativas que acabam distraindo a atenção das pessoas e tiram o foco do que realmente interessa. É importante tomar cuidado e se certificar se que a página não está oferecendo muita coisa ao mesmo tempo. Outra dica é testar as cores dos botões e dos contrastes da página, pois pode ter um significado relevante para melhorar as suas conversões.

3- Formulários curtos
Com a propagação das estratégias de Inbound Marketing, é possível encontrar na internet uma grande quantidade de empresas que começaram a oferecer para seu público diversos tipos de materiais ricos, tais como os e-books, que são ótimas maneiras de captar novos leads. Porém, o problema dessa estratégia é que muitas dessas empresas até conseguem elaborar um bom conteúdo, mas pecam na construção de um formulário eficaz e objetivo.

Na ansiedade de ter todos os dados possíveis sobre o seu lead, algumas pessoas pedem informações muito extensas, que fazem com que o usuário desista de baixar aquele material. Não é por acaso que estudos comprovam que quanto mais campos de preenchimento tiver no seu formulário, menor será a sua conversão, podendo cair, na média, em até 5%.

Experimente diminuir a quantidade de campos dos formulários em suas páginas, pedindo apenas o nome e o e-mail da pessoa, e deixe para solicitar informações mais específicas em outras fases do seu funil. Muito provavelmente, você aumentará drasticamente as suas conversões com essa mudança simples.

4- Teste sempre!
Não assumir que tudo o que está na internet ou o que tudo o que os especialistas dizem é verdade. Às vezes, o que funciona para um tipo de negócio e para um determinado público, não dá certo para outro. O ideal é sempre buscar por novas ideias, estudos e dicas. Mas, antes de sair mudando todas as suas páginas, é importante testar para ver o que realmente dá certo ou não dentro do nicho a ser trabalhado.

5 – Faça testes A/B
O especialista ainda explica que é necessário reunir todas as informações que tenham potencial para trazer melhoras para o site e analisá-las: você deve sempre fazer testes comparativos para saber quais mudanças estão, de fato, trazendo maiores conversões para as suas páginas. Mas, quando falamos em testar, não estamos dizendo simplesmente em olhar se o número total de acessos aumentou, por exemplo. É preciso utilizar ferramentas adequadas, que ofereçam estatísticas completas sobre os resultados.

Entre as disponíveis no mercado, existem duas principais, que são o Google Analytics, que já tem uma função nativa de teste A/B, e o Visual Website Optimizer. Ambas conseguem comparar duas páginas ou elementos, oferecendo estatisticamente aquelas que melhor convertem.

Uma dica para quem tem pressa em saber qual página está convertendo melhor: utilize tráfego pago para essas páginas, tais como o Facebook Ads ou Adwords. Assim será possível perceber um volume ideal de pessoas para conseguir realmente validar qual delas é a que mais converte.

admin
author

Translate »